A minha filha está entrando numa fase bem legal, ela sempre teve preferencia por alguns generos musicais mas agora ela intensificou suas preferencias.  Ela sempre foi uma criança musicalizada quando estava gravida ouvia muito Maria Rita, Adriana Calcanhoto e Tom Jobim… ela praticamente já nasceu ouvindo musica.  Mas o som que ela interagia muito no barrigão era marcha nupcial ela saltava de doer minhas costelas. Sempre cantei  e canto muito pra ela.  A musicalização é muito importante auxilia no desenvolvimento de diversas formas:

– Socialização
– Alfabetização
– Inteligência
– Capacidade inventiva
– Expressividade
– Coordenação motora e tato fino
– Percepção sonora
– Percepção espacial
– Raciocínio lógico e matemático
– Estética

A criança aprende muito enquanto canta.

Hoje minha menina gosta de Hanna Montana, Justin Bieber, Maria Gadú, Maria Rita, Pitty, Vanguart, capuccino jack e outros mas não perde seu gosto por coisas de crianças porque acho tão saudavel que ela continue gostando de: “Borboletinha ta na cozinha…” e etc… musicalizar é muito bom para as crianças. Aqui em casa não entra funk as musicas são sempre bem escolhidas.

Tem uma da pitty que tem o seguinte trecho: “Que você me adora. Que me acha foda.”

A minha filha canta: “Que você me adora, que em acha FOGO”

Uma vez ela cantou a versão original FODA e eu disse que esta palavra não é uma palavra pra criança sair falando por aí, que é um palavrão. (sim até 16 isso pra ela será palavrão hahah) ela ficou espantada e disse:  “nem tudo que escuta pode repetir né mamãe”

É sim. Então ela substitui por fogo e agora quando gosta de uma musica ela logo pergunta: “Tem palavrão?”

Porque coisinha sem noção é criança falar palavrao e os pais acharem o pheno do brega , a coisa mais fofa da mamãe e do papai.

Um dia desses Gabi soltou um bem light mas eu não gosto de jeito nenhum. Eu faço um esforço surreal  para não falar nenhum palavrãozinho light na frente dela porque faço parte daquela camada de mulheres que falam palavrão (oi? Não sou perfeita neam! Hahá) porque por mais que nos esforcemos as vezes saí um “merda, porra, PQP” e aqui temos até a musiquinha pra banir o nome feito a letra é assim:

“O sabão
Lava meu pezinho,
lava meu rostinho,
lava a minha mão!
Mas Jesus pra me deixar limpinho,
quer lavar meu coração!

Quando o mal, faz uma manxinha,
eu sei muito bem,
quem pode me limpar,
é Jesus, pra me deixar limpinho,
quer meu coração lavar.”

Musicalizar a criança também é desenvolver valores.

Leia também :

  • As vezes eu invento umas coisas que depois fico duvidand ...

  • O Pé O gesso já foi tirado, às vezes ela se sente incomo ...

  • E agora? Que fase é essa? Minha filha está quase compl ...

Fernanda Ramalho

Mãe, Publicitaria, Acreana do pé rachado, Louca por fotografia, Mulher, Completa, especialista em limpar vomito e bumbum de nenem. Também sou ponto de referência. Sim "logo ali depois daquela gordinha" mas isso vai mudar coloquei o balão intragastrico dia 8 de Junho e em 7 meses eliminei 39 kilos mas ainda não atingi minha meta portanto continuo em pleno processo de emagrecimento e ainda no ano de 2011 irei para o segundo balão intragastrico.

  3 Responses to “Musicalização infantil e mais…”

  1. ADoRO música! Eu prefiro a música à TV.
    A Sofia sempre andou mto de carro comigo e minha mãe, q sempre tem uns CD’s de MPB… Tem um CD da Paula Fernandes q ela sabe cantar melhor q eu!
    E em casa eu tbm não escuto funk, axé, essas coisas q falam de bundinha e etc… não gosto! Não posso proibir q escute na rua (ou na van, como acontece), mas falo pra ela q não gosto e q não são músicas legais.
    E tenho no note um moooooonte de músicas infantis e vira e mexe eu coloco pra gente ouvir! É delícia demais!

  2. Realmente, criança falando palavrão é a treva. Gostei da substituição que ela fez…. haha… que amor.
     

  3. Nossa, amei o seu post. Música é tudo na vida do ser humano…

 Leave a Reply

(requerido)

(requerido)

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

   
© 2012 Brindo à vida Suffusion theme by Sayontan Sinha