jul 302010
 

Eu e minha irmã estamos buscando freneticamente um cãozinho pra chamar de nosso, há tempos tentei mas a cadelinha era tão grudada e louca pela mãe que fez dó tirar ela da mãe, a cadela deprimiu, não quis ser minha de jeito nenhum! Devolvi pra mãe aliás ela se devolveu, fugiu da minha casa (um filhote) e foi atrás da mãe (que mora perto da minha casa). Depois disso aquietei o faixo, Gabis sofreu mas passou…. o problema é que a Gabis não esquece nenhum dia o quanto quer um cachorro (nem eu).  Agora estamos procurando e não está facil. Só podem estar fazendo churrasco de cachorro porque tem sido muito dificil encontrar um cãozinho. Nem pra vender e nem pra dar.  Fomos a varios pet shops  e nada aí apelamos e fomos até o centro de zoonoses que está com a campanha: Adote um cãozinho.

Existem muitos cachorros a espera de um lar, não são os cachorros mais lindos do mundo mas nada que um banho no pet shop não resolva porém são cachorros que precisam de um lar o mais rápido possível.  O centro de zoonoses era um centro de abate, onde os cães eram capturados nas ruas e eram levados até o CZ para serem abatidos. Graças a Deus surgiu uma lei que proíbe que animais saudáveis, aptos para adoção, sem moléstias contagiosas (como a raiva por exemplo) sejam abatidos. O Centro de Zoonoses não tem estrutura física para abrigo e lá os cães são recebidos quase sem estrutura nenhuma. Eu não trouxe nenhum cãozinho para casa porque infelizmente só encontrei cães adultos e tenho receio de trazer um cão adulto (mais de 4 anos, que foi o que me interessei) pra minha casa, porque tenho a Gabi  e alguns cães não gostam de crianças.  Eu e minha irmã fomos muito bem atendidas no centro de zoonoses, recebemos todas as explicações e informações possíveis, a visita até o centro de zoonoses não nos rendeu um cãozinho mas voltei para casa cheia de informações para compartilhar com vocês. Quem tiver interesse em adotar um cão é só se dirigir até o centro de zoonoses além de cães existem gatos também.

Outra coisa interessante é que existe um medico veterinário lá disponível as quartas e quintas – feiras das 15 as 17 hrs para consultas gratuitas para animais de pequeno porte. Se você tem um bichinho e não tem grana pra pagar um veterinário leva la no centro de zoonoses, que o veterinario vai ter o maior prazer em te ajudar.

Lá tem um filhotinho de cão porém a mãe dele é de porte razoavelmente grande e consequentemente o filhotinho ficará grande e não é o que procuro pra mim. Procuro um cachorro de medio porte, que seja brincalhão, que adore interagir e que seja  independente, que não seja aquele tipo de cão que precisa de gente 24 hrs por perto. Mas se você tem muito espaço  e quer um cãozinho maior adota um lá do Centro de Zoonoses.

Quem tem sitio/chacará/fazenda tem dois cães perfeitos lá, são grandes e verdadeiros donos do seu território.  Da uma chance pra eles?

Leia também :

Fernanda Ramalho

Mãe, Publicitaria, Acreana do pé rachado, Louca por fotografia, Mulher, Completa, especialista em limpar vomito e bumbum de nenem. Também sou ponto de referência. Sim "logo ali depois daquela gordinha" mas isso vai mudar coloquei o balão intragastrico dia 8 de Junho e em 7 meses eliminei 39 kilos mas ainda não atingi minha meta portanto continuo em pleno processo de emagrecimento e ainda no ano de 2011 irei para o segundo balão intragastrico.

  6 Responses to “Adote um cão.”

  1. Eu adotei um cachorrinho e recomendo, existem muitos cachorrinhos precisando de um lar, e você sempre encontrará algum que pareça com vc… eles precisam só de amor, carinho e cuidados básicos, vale a pena são bixinhos que precisam de um lar.  \o/

  2. Ai que triste tantos cãezinhos sem lar, alguns estão magrinhos né. Minha mãe mora em uma casa, ela adotou a Patu que teve 7 filhotes, ela doou 3 e ficou com 4, rss, eles  são lindos!Eu adotei 1 gato persa, ele já estava com 6 meses, é lindo, a mãe dele teve 7 gatinhos persas e foram ficando grandes e as pessoas não querem gatos grandes, eu amo ele, hehe, lindo d+.Tenho uma gata SRD que mora na casa dos meus pais, lá tem mais espaço.Devemos adotar, mas com consciência de que precisamos cuidar dos adotados com alimento, medicação e carinho.Bjs:plap:

  3. Olha só,não vai muito pelo tamanho da mãe e sim do pai,experiencia de quem tem filhotes já de 3 aninhos vindos de mãe labrador e pai pincher….isso mesmo!! o danadinho pegou a labradora e os filhotes todos sem excessão ficaram do tamanho do pai…quando recebo visitas e as pessoas a veêm com os filhotes pensam que são recém nascidos…E está certa de não pegar um cão com mais idade,principalmente pela criança,nunca se sabe que tipo de donos ele teve e que maus tratos ele sofreu …

  4. […] This post was mentioned on Twitter by Fernanda Ramalho, Fernanda Ramalho. Fernanda Ramalho said: Novo post no Blog, Adote um cão. – http://tinyurl.com/32e6wxh […]

  5. Não vejo problema em pegar um cão adulto, até acho melhor, pois já está com a personalidad eformada. Nas visitas já vai dar para perceber. Já vivemos esta experiênciaquando morávamos em Porto Alegre e foi maravilhosa. Outra vantagem é que o cão adulto não vai ficar faendo xix e cocô no lugar errado. Em duas semanas, com estímulo e recompensa, fará tudo no seu jornalzinho.
     
    Aqui no Rio, adotei uma vira-latapincher há 8 anos, antes dos filhos nascerem. Chama-se Gabriela, minha filha primogênita.
    Em janeiro, adotamos uma vira-latas abandonada embaixo de um ônibus. Estã com 9 meses e se chama Isabela. Ambas são amadas e paparicadas, mas a filhote é uma peste, parece Marley.
     
    Fernanda, faça uma campanha de doação de ração e vitaminas, pois os cães do centro de zoonoses dessas fotos estão muito combalidos, magrinhos, pelo feio, devem estar extremamente desnutridos.
     
    Ajudo o SOS Vida Animal, que é um grupo de amigos que recolhe. trata e acha famílias para os focinhos abandonados. FAem um trabalho incrível e foi através deles que trouxe minha Isabela.
     
    Veja mais aqui:
     
    http://fernandareali.blogspot.com/search/label/Crianças%20e%20Focinhos
     
    Bjs e boa sorte com o cachorrinho.

  6. 😮 :love: :love: :nerd: :fone: :happy:

Leave a Reply to Cláudia Anderson Cancel reply

(requerido)

(requerido)

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

   
© 2012 Brindo à vida Suffusion theme by Sayontan Sinha