Sou uma pessoa que é contra celular para crianças Gabriella sempre me pediu um  e eu sempre neguei acho também que é porque meu esporte é dizer não  e ficar rindo pelas costas dela. (ai que mãe má. Mua há háhá)

Um dia desses vi uma menina que mal sabia falar mas já tinha um celular, outra vez na loja da vivo o pai levou a filha de uns 5 anos pra escolher o modelo que ela quisesse.  E eu procurando um que custasse menos de 300 realidades, porque eu queria um celular para suprir necessidades basicas.

Ano passado na escola da minha filha tinha um gurizinho que levava celular pra aula e inevitavelmente minha filha começou a pedir um celular e obviamente eu neguei e nego, porque não vejo necessidade alguma de uma criança com a idade da minha filha ter um celular e ainda levar pra escola. As escolas devem tomar uma postura urgentemente contra isso.  Sei que hoje em dia as crianças são loucas por aparelhinhos eletrônicos e é tão difícil driblar esses desejos de consumo nos dias de hoje, principalmente porque alguns pais preferem ceder afinal ceder é mais fácil. Apesar de tudo e por tudo eu ainda faço o mais difícil, eu preciso fazer o mais difícil não por mim e sim por ela então nego.

Quando ganhei meu primeiro celular eu tinha mais de 18 anos e não morri por isso. Tudo bem que a epoca era outra e estavamos começando a transição para a o mundo da tecnologia.

Mas eu acho irresponsavel dar celular pra criança, é a minha opinião e ninguém tem nada com isso! E por ser uma opinião minha eu posso muda-la quantas vezes eu quiser ou até que me provem o contrario (só tenho que dizer que sou turrona e pra mudar de opinião é um sofrimento). O Fato é que um dia desses na escola de ballet Gabriella passou um perrengue medonho (pra ela), ela queria ficar um pouco mais e assistir a aula de sapateado, porém não tinha como me avisar e sabe como é que é né? Se eu chego lá e a menina diz: “mãe não vou agora não, porque quero ver a aula de sapateado” Eu solto a Richele que existe dentro de mim. (Oi? Todo mundo odeia o cris? Eu amooo! Ouun)  Aí minha pequena entrou no carro e quando chegou em casa começou a chorar e eu não tava entendendo até que ela conseguiu parar de chorar e explicar que queria ter ficado mais e não tinha como me avisar e blablablab e mimimimimi.

Aí eu tinha um celular velho aqui e pensei…. Se eu der o celular e falar pra ela que é emprestado e que ela poderá levar para o ballet as segundas, quartas e sextas. Isso é aplicar limites não é mesmo? Então estamos em fase de teste e ela tem sido bonitinha demais. O celular só liga para mim,para a vovó, para a titia Aline e para o Papai.  É bloqueado pra internet e mensagens.

Disse que colocaria 12 reais de credito por mês.

Ela aceitou numa boa e disse logo: “Mãe eu não vou levar pra escola porque não é legal”

Ela foi mais linda ainda quando ontem derrubou o celular sem querer e disse: “ai mãe eu bem que te avisei que não tava tão preparada assim pra ter um celular”

As vezes a tecnologia é necessaria para deixar os filhos mais proximos do nosso coração quando eles estão longe dos nossos olhos.  Mas tudo deve ser aplicado com limite e disciplina. Estamos em fase de teste e até agora tem dado certo!

Leia também :

Fernanda Ramalho

Mãe, Publicitaria, Acreana do pé rachado, Louca por fotografia, Mulher, Completa, especialista em limpar vomito e bumbum de nenem. Também sou ponto de referência. Sim "logo ali depois daquela gordinha" mas isso vai mudar coloquei o balão intragastrico dia 8 de Junho e em 7 meses eliminei 39 kilos mas ainda não atingi minha meta portanto continuo em pleno processo de emagrecimento e ainda no ano de 2011 irei para o segundo balão intragastrico.

  7 Responses to “Celular para crianças.”

  1. Dei um celular tb pra Isa, mega simples, mas ela mesmo diz, não levo pra escola pq não pode, mas dei mais pela necessidade de falar com elas, tem horas q preciso avisar q o avô vai atrasar, senão ela fica chorando na escola…
    Um mal necessário né?
    bj
    Ed

  2. Oi Fernanda, tenho acompanhado seu blog, e tenho que te dizer que é demais, vc é autentica em tudo o que fala, e pelo pouco da historia que conheço uma lutadora, parabens, pelo emagrecimento e pela linda filha… bjs Priscilla.Ha tenho uma menina de 6 anos tb… é tudooo de bom…

  3. oi lindinha,
    então… estou com 110 k que me incomodam demaisssss!!!
    estou numa luta incansável…
    agora que te encontrei vou te acompanhar sempre!!
    bjs
    lu

  4. Meu filho tem celular mais não leva para a escola por medo de ser roubado ,na hora que ele me disse isso achei tão inteligente e responsável da parte dele ter essa visão do mundo….me senti orgulhosa de ao ínves dele fazer bonito pra galera com um celular novinho ele preferiu a segurança dele próprio e do celular!! e a gente achando que eles são crianças …..mais na verdade são mais responsáveis que muitos adultos …tipo aqueles que colocam o celular pra lavar na máquina!!!!

  5. Adorei este posto!! Concordo em tudo com você Fernanda! Criança não precisa de celular, mas tem uma hora que precisa né??!! Parabéns pela sua postura de mãe educadora, realmente ceder é muito mais fácil do que impor limites e explicar (67839vezes) as razões do que se pensa ser o certo para cada mínima coisinha!!!
    beijos
    Clara

  6. Olá Fernanda!
    Olha, eu acho que TUDO que damos aos nossos filhos devem ser pensados e pesados antes. Quando eu dei um celular para a minha filha ela tinha 6 anos. Eu havia me mudado de cidade, e para ir e vir da escola-casa/casa-escola, Luana passava por uma serra. Um dia a van sofreu um acidente e ela não tinha celular para me avisar. Uma pessoa que passava pelo local, que parou para socorrer que me ligou. Depois do trauma eu comprei o celular. E ai tem outras questões que devem ser avaliadas: No MEU caso, a Luana vira e mexe está na casa da minha mãe, ou do meu pai, ou do pai dela, ou, ou, ou… muitas variantes, vai de transporte escolar, o Rio de Janeiro é uma cidade grande, o trânsito é doido, a violência é grande. O celular hoje é aquele objeto que já me tranqüilizou diversas vezes, em situações que sem ele, com certeza eu teria me descabelado. Mas sempre explico pra ela que ela ainda não precisa de nada que faça mais que ligar, receber, passar sms e só. Boa sorte com o celular! Beijos

  7. Sabe qual problema vejo nisso? Consumismo… crianças cada vez mais consumistas… querem tudo ao mesmo tempo, o ano inteiro. Se satisfazem por 5 min e já começam a desejar novas coisas.
     
    Este comportamento é culpa dos pais, e não vai acabar bem.
     
    Bjs
    Isa

Leave a Reply to Cláudia Anderson Cancel reply

(requerido)

(requerido)

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

   
© 2012 Brindo à vida Suffusion theme by Sayontan Sinha