Acho muito legal essas feiras com cães e outros animais domésticos porque acabamos conhecendo mais sobre algumas raças e espécies, mas quando os animais estão a venda fico pensando se cada pessoa que compra aquele animal está preparada para recebê-lo em casa.

Digo isso porque seres humanos são impulsivos. Acham filhotes fofos e algumas raças na “moda” e levam para casa, mas não avaliam se tem condição física, financeira e emocional para ter um animal de estimação.

Quer um exemplo disso?  Na páscoa é a época que se vende mais coelhos, compram-se filhotes e eles são realmente irresistíveis branquinhos e fofos aí a páscoa passa e esses filhotes crescem, o encanto acaba principalmente quando os filhotes começam a mostrar os dotes de roedores e as pessoas querem se desfazer dos bichinhos, já vi casos de pessoas abandonando coelhos nas ruas e até jogando no rio.

Com cães e gatos não é diferente. É preciso ter consciência de que ter um animal é coisa séria, é preciso avaliar condições físicas, emocionais e financeiras. Um animal exige espaço, atenção, carinho e cuidados medicos. Eles fazem coco, xixi e dependem de alguém para se manter forte e saudável.

Então nada de comprar um pet por um impulso!

Leia também :

Fernanda Ramalho

Mãe, Publicitaria, Acreana do pé rachado, Louca por fotografia, Mulher, Completa, especialista em limpar vomito e bumbum de nenem. Também sou ponto de referência. Sim "logo ali depois daquela gordinha" mas isso vai mudar coloquei o balão intragastrico dia 8 de Junho e em 7 meses eliminei 39 kilos mas ainda não atingi minha meta portanto continuo em pleno processo de emagrecimento e ainda no ano de 2011 irei para o segundo balão intragastrico.

  4 Responses to “Pense antes de comprar ou adotar um animal de estimação”

  1. Fer
    Eu passei por essa experiência péssima na Páscoa do ano passado,
    Minha amada sogra, comprou um mini coelho de presente para a Bruna,
    Depois não deu conta de conciliar o bichinho com os 6 cachorros q ela tem e me jogou a bomba.
    Eu morando em apto, nao tinha condições físicas de mantê-lo.
    Foi uma judieira com a Bru, pq menos de 1 mês depois ela se desfez do coitado, mandou para uma amiga em uma chácara onde um cachorro acabou por matá-lo….
    Triste demais isso.
    Aqui eu tenho uma cachorra linda, q veio da rua, vítima de abandono. Uma gata, idem, veio de uma feira de adoção. Agora tb temos aquários e hamster.
    Olha, só pra qm ama mesmo!!!!
    Os bichinhos dão mto trabalho. Exigem tempo, carinho, atenção, mas me dão um prazer sem igual!!!!

  2. Muito importante isso que vc disse.
    Só acrescento: antes de adquirir um cão de determinada raça, procure saber um pouco sobre as caracteríscas da raça. Procure saber se a raça, em regra, é mais dócil, mais agressiva, se é mais independente, mais dependente, se é muito agitado, se convive bem em lugares menores. Tudo isso é muito importante para, futuramente, vc ñ ter problemas com seu pet q seriam absolutamente previsíveis.
    Outra coisa tb que muitas pessoas q se encantam com filhotes esquecem é que estes são seres vivos e fazem xixi e coco e fazem bastante, principalmente enquanto ainda são filhotes. Isso parece até ridículo, mas algumas pessoas aparentam esquerecerem-se disso, pois já ví gente com comentário ridículo de q não aguenta mais o cachorro fazendo cocô na área, ou que o cheiro de xixi é muito ruim.
    E tem mais! Lembrem: cachorro late sim, cachorro solta pêlo sim e cachorro, obviamente, tem cheiro de cachorro e, principalmente, não são objetos para vc brincar e depois de cansar, jogar em algum canto.
    São seres vivos. Precisam de atenção, carinho, cuidados.
    Pense muuuuito antes de adquirir um, principalmente se vc não está disposto a tolerar os itens acima elencados.
    Beijos, Fernanda! Parabéns pelo post.

  3. Fer, eu nunca quis ter animal, até que a filha do meu padrasto levou dois, pra q levássemos um deles pras filhas do marido. Acabei me apegando à mocinha (o outro era macho), mas meu padrasto não aceitou que ficasse com ela… Dei pra minha tia, que queria um, mas não sei que fim ela deu à bichinha e tenho medo de perguntar.
    Agora estamos há pouco mais de um mês com outra mocinha. Bagunceira e danada! Eu, que nunca quis ter um animalzinho, sou apaixonada pela nossa cadelinha! E ela é super apegada a mim. É engraçado… como dizem meus amigos, ela q me escolheu!
    Mas assim, mesmo sendo vira lata (q dizem ser a raça ‘mais fácil’ de cuidar) o trabalho e a gastação com vacina e boas rações é árduo! rs A ração que ela se deu bem foi Pedigree Junior… ai. ai… rs É 1kg por semana! kkkk
    Mas tem valido a pena. Só é difícil pq Sofia gosta de brincar com ela qndo ela quer dormir. E qndo a Liana quer brincar, Sofia a empurra e até chuta. Eu sempre repreendo, mas as crianças não tem mto essa noção. Tento ensinar q cães tbm merecem respeito e carinho! Tá custando, mas ela vai aprender! rs
    Beijoo

Leave a Reply to Telma Maciel Cancel reply

(requerido)

(requerido)

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

   
© 2012 Brindo à vida Suffusion theme by Sayontan Sinha